Arquivo da tag: florais de Bach

Curando Traumas com Florais

Flores

Uma das questões mais centrais da experiência humana é o conflito que vivemos entre quem de fato Somos e quem queremos Ser. Na maioria das vezes idealizamos a vida e o que é mais sério criamos um ideal para nós também, ignorando o lado sombrio de ambos. Frequentemente quando nos pegamos com um pensamento obscuro ou um comportamento que julgamos inaceitável, fugimos deles na esperança de que – como num passo de mágica – eles desapareçam. Esquecemos que esta tentativa só reforça o negativo, dando-lhe poder sobre nossa vida, tirando-nos o direito de a escolhas conscientes. De acordo com Chopra, a escuridão acaba nos controlando, provocando o efeito Sombra. A Sombra que nos impede de expressar inteiramente o nosso Eu. Entretanto reconhecer a Sombra exige de nós um trabalho profundo de auto conhecimento. Quando nos conhecemos e reconhecemos integralmente também integramos a Sombra e ela perde força.

Sem o trabalho de auto conhecimento muitas vezes somos, literalmente paralisados pela Sombra que não nos permite a libertação de traumas envoltos em culpa, cobrança, baixa auto estima, fuga do convívio social, ansiedade entre outras dificuldades.

Na maioria das vezes, o trabalho de auto conhecimento necessita de apoio externo. Um destes apoios que considero um dos mais simples e fantásticos é a Terapia Floral. Criado pelo dr Edward Bach, médico inglês com formação em Cirurgia, Imunologia, Bacteriologia e Homeopatia, entre os anos de 1928 e 1936.  É uma Terapia simples com muitas vantagens tais como:

– todos os remédios são feitos a partir de flores, plantas e árvores da Natureza: nenhuma delas é venenosa ou capaz de causar algum mal;

– são apenas 38 essências, facilitando sua escolha;

– podem ser usadas por qualquer pessoa, de qualquer idade,  sem nenhum risco ou efeito colateral.

Como terapeuta floral com formação nos três Níveis pelo Instituto dr Edward Bach, experienciei  – nos mais de 10 anos de atendimentos em consultório e à distância – dezenas de casos de cura de emoções em desequilíbrio, de forma simples e segura. Como dizia o dr Bach: “Não tenhamos medo de mergulhar na vida: estamos aqui para ganhar experiência e conhecimento, e pouco aprenderemos se não enfrentarmos a realidade e dermos o máximo de nós mesmos.” 

Há alguns anos atendi em meu consultório uma jovem, formada há alguns anos em Agronomia, por uma renomada faculdade pública brasileira, na área, cuja queixa era o desinteresse pela vida que resultava num distanciamento das atividades sociais. Depois de formada nunca conseguiu trabalhar na sua área de formação, embora tenha sido aluna brilhante durante a faculdade. Silenciosa, passava os dias cuidando dos sobrinhos e sentindo-se culpada por ver a vida ‘escoar’ à frente dos seus olhos. Na consulta, relatou que estudou Agronomia porque nunca conseguira passar no vestibular de Medicina, seu sonho. Mas que gostou de estudar sobre Agronomia, tanto que seu trabalho de conclusão de curso foi premiado e escolhido por um grande produtor rural da região para ser implantado em sua propriedade agrícola. O trabalho havia sido feito em grupo e todos ficaram muito felizes por já saírem da faculdade com emprego garantido. Entretanto a vida trouxe uma surpresa inesperada os demais colegas com os quais executaria o projeto receberam outras propostas de trabalho, as quais consideraram mais atrativas e as aceitaram, deixando a nossa jovem sozinha para executar o projeto. Embora preparada, sentiu medo de assumir sozinha o desafio e acabou recusando a proposta de trabalho. Esta recusa, trouxe auto cobrança e culpa acentuando o trauma e produzindo a reclusão que motivou sua presença em meu consultório, depois de tantos anos de sofrimento e dor. Sentia-se incapaz, auto estima destroçada e quase resignada com um destino de ser apenas tia e suporte para os pais idosos.

O primeiro passo estava dado, reconhecer a dificuldade que até ali se mantivera no silêncio do seu Ser. Compartilhar e reconhecer a Sombra que a mantivera refém do Medo, da Culpa e da baixa Auto Estima.

Os passos seguintes foram dados com a maravilhosa ajuda dos florais de Bach. Trabalhamos com os florais: Star of Bethlehem para tratar o trauma que se abateu após a decisão de recusar assumir o trabalho; Pine para trabalhar a Culpa, afastando o pensamento repetitivo, ‘algoz’ e torturante de que podia ter feito diferente. Eliminando a raiva de si mesma e restabelecendo o auto amor. Larch para recuperar a Confiança em si mesma e em suas capacidades, eliminando a inferioridade e a dificuldade de tentar novamente pelo simples fato de que tinha certeza de que não conseguiria e Mimulus para resgatar a Coragem, em lugar do Medo de encarar a vida, de enfrentar novos desafios e situações desconhecidas.

Escolhi o caso desta jovem, não só porque atendi outros casos semelhantes e sei que tem muita gente sofrendo por estar (ainda hoje) vivenciando igual sofrimento, mas principalmente pela velocidade e magnitude da sua resposta. Em menos de 60 dias que iniciamos o tratamento, recebi um seu email que encheu meu coração de alegria, me dando a certeza de que estava cumprindo minha Missão de Vida: fora aprovada no vestibular para Medicina, numa das mais renomadas e modernas faculdades públicas do país e já no próximo semestre iniciaria seus estudos. Daqui há um ano se formará. Decidiu especializar-se em Geriatria. Meu sonho é que alie seus conhecimentos de Agronomia com a Medicina. Quem sabe não temos aí uma profissional com amplo conhecimento em Fitoterapia?!

Citei apenas alguns dos florais que recomendei na época para ilustrar. Digo isso porque um trabalho com a Terapia Floral é como ‘descascar um cebola’, começamos das queixas mais superficiais e aos poucos vamos aprofundando na direção do centro do Ser. No caso desta jovem, prosseguimos com uma Terapia de Suporte com os florais adequados para cada emoção que fomos identificando, afinal foram anos de recolhimento e sofrimento. Apesar da rápida resposta, novos desafios surgiram e foi necessário seu acompanhamento. Sempre de forma amorosa e suave como as flores.

Histórias como essa e tantas outras que tenho a honra de presenciar em meu trabalho, justificam minha dedicação e horas de estudo ao que considero minha Missão nesta vida.

Como dizia o dr Bach: “Nenhuma grande escalada jamais foi empreendida sem falhas e quedas, de modo que estas devem ser consideradas como experiências que nos ajudam a tropeçar menos no futuro. Nenhum pensamento referente a erros passados deve nos deprimir; são coisas passadas e concluídas, sendo que o conhecimento adquirido por seu intermédio ajuda-nos a evitar que eles se repitam.”

Com o coração cheio de amor e alegria eu desejo a você dias abençoados e plenos!

E se achou esta informação útil compartilhe, mais pessoas poderão beneficiar-se dela. Abaixo estão os links para nossa página no Facebook e para o Cadastro em nossa lista. Ao cadastrar-se você ainda ganha um lindo e-book com dicas para equilibrar e harmonizar seus ambientes.

http://www.interagir.me/serintegralsaude/aromaterapia-seu-lar-em-equilibrio.html

https://www.facebook.com/paginaserintegral/

Um grande abraço e até sempre!

Para saber mais:

Chopra, Ford e Williamson – O efeito Sombra – Lua de Papel, 2010 – SP.

Paroni, Mara e Celso – Aprenda ser feliz com os florais de Bach

Sem culpa, por favor!

01-liberte-se

Olá pessoal, a felicidade às vezes parece algo distante e até inatingível. Aqui no Ser Integral a nossa proposta, entretanto, é nos lembrar que somos os responsáveis por nossa Felicidade. Que a nossa Felicidade é uma construção diária que fazemos ao acordar e sair da cama. Isso mesmo, começamos a ser felizes com a nossa decisão de sair da cama agradecendo por mais um dia: oportunidade única de estar aqui e Agora presentes para o nosso momento maior – o momento Presente!

Assumir ser feliz, portanto, é principalmente ser grato (a). Praticar a Gratidão. É a primeira decisão que nos permite assumir a responsabilidade por nossos pensamentos, palavras, ações e omissões. Praticar a gratidão é aceitar que nossa compreensão é limitada. Fazemos parte do Todo, mas ainda habitando na terceira dimensão, logo, fatos ou acontecimentos que aparentemente são contrários aos nossos desejos e programações, trazem no seu lado oculto razões que nos protegem de nós mesmos e de nossas escolhas às vezes equivocadas. Ou seja nem tudo é perda, algumas são livramento.

Assumir ser feliz é também, e igualmente importante libertar-se da Culpa. A culpa é um sentimento normal na nossa cultura humana, cujo razão de ser deveria limitar-se apenas a nos permitir refletir sobre nossos erros e construir possibilidades de revisão e sobretudo nos preparar para evitar repetições. Isso quer dizer que uma vez cumprido o papel da reflexão e tomada de consciência, o próximo passo é evitar a ruminação de pensamentos que esvaziam nossa energia criativa e na maioria das vezes nos deixam inertes, passivos, consumidos pela culpa e pelo medo de errar novamente.

Assumir ser feliz é compreender que dentro da nossa humanidade da terceira dimensão, fazemos sempre o nosso melhor, com os recursos e informações que temos disponíveis no momento. Exemplo disso são os pais, especialmente as mães que se sentem culpados pela criação que deram ou dão aos seus filhos. A grande maioria está fazendo o seu melhor, equilibrando a própria vida, a luta pela subsistência (trabalho) e a educação dos filhos pequenos, exigentes de um sem número de cuidados. Ou ainda os filhos que em determinado momento são obrigados, pelos mesmos motivos a deixar seus pais idosos num abrigo onde terão todos os cuidados que não conseguem suprir. É deixar o orgulho e a pretensão da perfeição para assumir e aceitar as próprias limitações com auto amor e auto compaixão.

Você pode estar se perguntando agora, como fazer isso? Parece tão difícil, apesar de simples. Aqui no Ser Integral, nosso compromisso além de trazer a reflexão que permite repensar, rever, adotar novas posturas de vida para aumentar a consciência evolutiva, é o de oferecer dicas práticas para materializar seu desejo de mudança de vida. É o que vamos fazer agora trazendo informação de uma prática natural da qual já falamos aqui algumas vezes. Estou falando da ajuda linda que podemos conseguir com os florais.

O dr Edward Bach criador do Sistema Floral de Bach, descobriu os remédios florais porque percebeu a importância de ter emoções equilibradas para saúde integral. Ou seja, muitas doenças que manifestamos no corpo físico (senão todas)  decorrem de um desequilíbrio anterior no corpo emocional. Ele acreditava que a cura do plano emocional traz benefícios e cura em todos os aspectos da vida, permitindo ao corpo encontrar seu estado de saúde e bem estar natural.

O Dr Bach dividiu seu sistema Floral em 6 grandes grupos que considerou incluir todas as grande emoções humanas. Colocou o floral para o sentimento de Culpa no grupo do Desânimo e Desespero. Exatamente como se sentem as pessoas carregadas de Culpa: consumidas pelo desgaste energético e atormentadas pela angústia ao ponto de desesperar-se.

Se você faz parte do grupo de pessoas que não conseguem livrar-se do sentimento de Culpa e sofrem com isso ou se tem um ente querido, um amigo, ou mesmo conhece alguém que vive se torturando com a Culpa, considere conhecer e usar o floral de Bach PINE.

O floral Pine, nas palavras do seu criador é para aquelas pessoas que culpam a si mesmas. Mesmo quando tem sucesso pensam que poderia ter feito melhor, e nunca estão contentes com seus esforços ou resultados. São trabalhadores duros e sofrem muito com as falhas que atribuem a si mesmos. Até quando o erro é cometido por outras pessoas assumem a responsabilidade. Às vezes o sentimento de culpa é tão grande que domina suas mentes e os obriga a pedir desculpas e perdão constantemente.

O uso do floral Pine vai permitir a manifestação do lado positivo desta emoção que é a conscientização do erro, o aprendizado e a disposição para continuar com sabedoria e auto amor.

Os florais de Bach podem ser usados por qualquer pessoa, mesmo quando em uso de medicações alopáticas ou fitoterapia. Ou seja não tem contra indicação, exceto por pessoas que  tenham problema com álcool. Os florais são extraídos das flores e conservados em brandy (bebida alcoólica extraída através da destilação do vinho). Embora a quantidade utilizada ao dia seja mínima, vale considerar e buscar na sua farmácia de confiança uma forma de utilizá-los sem álcool.

Esta é a dica de hoje: libertar-se da Culpa de forma natural e sem contra indicações. Os florais de Bach podem ser adquiridos em farmácias de manipulação e homeopáticas de todo o Brasil, através de sites de confiança como o Monas Flower sem necessidade de receita ou indicação profissional. Entretanto, pela minha experiência de mais de 10 anos como Terapeuta Floral, o ideal é fazer uma consulta e acompanhamento com um profissional de sua confiança. Afinal nem sempre enxergamos todos os aspectos de nossa personalidade que precisamos tratar e curar.

Se você gostou deste artigo e quiser saber mais, mande um email para rmarrie@gmail.com onde poderá obter mais informações ou marcar uma consulta on line via Skype. Acesse meu site:  serintegralsaude.wordpress.com

Um grande abraço e uma abençoada semana plena de paz e Luz.

Ah e curta a fanpage do Ser Integral. Assim, mais pessoas podem acessar e beneficiar-se dos nossos conteúdos, todos elaborados com muito amor para você.

Grande abraço e até o próximo post!