Arquivo da categoria: plantas medicinais

Feliz Ano Novo! E agora?

 

10-2017

Finalizamos o ano de 2016 – um ano de muito aprendizado e grandes mudanças. Aqui no Ser Integral foi um tempo maravilhoso, temos muito a comemorar porque o nosso projeto de troca de saberes decolou. A sementinha plantada no primeiro texto em 1 de abril de 2015, completou seu primeiro ano e nós saímos dos quase 1 600 visitantes para quase 30 mil visitantes em quase 20 países ao redor do mundo. Encontramos as pessoas que estavam interessadas nos temas que queríamos desenvolver e compartilhar e fomos encontradas por elas. Não sei se para você estes números são pequenos ou grandes, mas para nós é simplesmente maravilhoso. Tem gente que vai achar muito, outros acharão muito pouco… não importa! É mais uma corrente do bem se construindo. São mais de 11 mil fãs nos prestigiando no Facebook, curtindo e compartilhando as nossas dicas. Percebendo e se alinhando com a expansão da consciência, o auto conhecimento e o auto amor, nossas bandeiras, aqui no Ser Integral Saúde. Nossa gratidão a cada um de vocês que fez e faz parte desta caminhada.

Nosso propósito é falar da maior quantidade de temas possível para auxiliar os que estejam interessados numa vida mais equilibrada com saúde Integral.

 Nossa gratidão a cada um de vocês que contribuiu para tornar o nosso propósito cada vez mais claro, porque através de suas contribuições foi possível focar mais nos temas de interesse do público feminino. 

No tema alimentação saudável publicamos diversos posts sobre alimentos que curam, nutracêuticos como o Hibiscus, a Yacon, Plantas Alimentícias não Convencionais (PANCs) e ensinamos diversas receitas de Suco Verde, poderosos desintoxicantes. Afinal não dá para falar em saúde sem ter o corpo limpo de toxinas.

No quesito emoções dedicamos vários posts à sua intrínseca relação com a saúde do corpo físico, em especial a importância de ativar e preservar nossas forças internas para manter a saúde do sistema imunológico. Dedicamos especial atenção a emoções básicas como a Alegria  e a Gratidão, a Culpa e a Raiva e seus efeitos danosos e devastadores para o Fígado. Você viu? Se não viu, vale pena voltar no site e buscá-los.

Eu sou Especialista em Plantas Medicinais e não por acaso sou apaixonada pelo tema e por utiliza-las de forma curativa, por isso dediquei alguns posts muito especiais às esta dádivas da Natureza e à própria Natureza, como elemento decisivo para o nosso equilíbrio Todos deixados por Deus para curar e manter a nossa saúde de forma integral.

Dedicamos carinho especial aos posts com informações sobre os Florais de Bach, remédios com poder de cura e equilíbrio, bem como diversos posts com informações sobre a importância dos Chakras. Cada post tem preciosas informações sobre como estes centro energéticos funcionam e como mante-los equilibrados e saudáveis.

Para o público feminino publicamos uma série de posts sobre os Ciclos Femininos, textos esclarecedores sobre a a dor e a beleza do Climatério e Menopausa; resgatamos temas lindos como o Poder e O Sagrado Feminino e de novo voltamos nossas atenção aos Ritos de Passagem Feminino, porque entendemos ser uma fase da mulher em ela se sente abandonada, sendo inclusive negligenciada pelo próprio sistema de Saúde institucional que deveria cuidá-la. Falamos da dor do Gaslighting, num texto primoroso da minha amiga e terapeuta Ana Valério, que vale a pena ver de novo… Sem falar nos posts dedicados às Deusas e a Mulher que ainda estamos escrevendo e que tem sido sucesso absoluto junto ao público feminino. Afinal a hora é agora, de resgatar nossa auto estima, reafirmando o poder da deusa em cada uma de nós.

E claro, fomos poderosamente abençoados com o tema Saúde e Proteção dos nossos ambientes, ao qual dedicamos alguns posts com dicas de como cuidar da nossa casa, nosso lar e nossos ambientes de trabalho, através de dicas, considerações e oferecendo nosso trabalho de Geobiologia Espiritual Pessoal, Ambiental, de Processos, da Vida Financeira e Profissional, dos Animais de estimação e Automóveis. Um trabalho de limpeza e harmonização feito com auxílio dos Devas da Natureza e tecnologias específicas de Som e Luz.

E você que  nos acompanhou até aqui, há de se lembrar quanto falamos em cada um destes posts e em alguns em particular sobre a importância do Propósito de Vida, do auto conhecimento e do auto amor e cuidado conosco. Esse tema é vital para a vida do Ser Integral.

Finalmente, lembramos que o propósito do nosso site/blog é compartilhar informações úteis para que o Ser Integral floresça e cresça no caminho que escolher manifestar na vida, mas é também um espaço em que oferecemos os nossos serviços a todos os que querem aprofundar e fortalecer as mudanças.

Visite nossa página de Atendimentos

no https://serintegralsaude.wordpress.com/atendimentos/ e conheça os auxílios terapêuticos que disponibilizamos ali. 

 A EMF Balancing Technique por  exemplo é uma técnica de reequilíbrio energético para aqueles momentos em que a vida parece estagnada e não sabemos qual o caminho a seguir. Proporciona CLAREZA, DISCERNIMENTO e energia para realizar o propósito escolhido.  A Geobiologia Espiritual, limpa, harmoniza e remove obstáculos de modo a restabelecer seu fluxo natural da prosperidade e do viver em liberdade.  O Reiki, harmoniza, equilibra, pacifica o coração e a mente. E tem mais… a Fitoenergética e os Florais de Bach que promovem equilíbrio e cura do corpo físico, mental e emocional através das plantas e das flores, de forma suave e segura. E o que eu particularmente acho muito bom, você não precisa se deslocar da sua casa, do seu ambiente para receber os benefícios de todas estas técnicas. Tudo é feito à distância, em dia e hora previamente combinados. Milhares de pessoas já se beneficiaram do meu trabalho com as Terapias Energéticas à distância. Experimente você também já que estamos quase na segunda quinzena de fevereiro e precisamos estar em equilíbrio para fazer de 2017 o ano da virada em nossas vidas. Não há tempo a perder! Feliz Ano novo, e agora? O auto cuidado é o maior investimento que podemos fazer por nós mesmos.

Qualquer dúvida, não hesite em perguntar aqui mesmo no blog, pelo meu email rmarrie@gmail.com ou mesmo por mensagem na nossa fanpage Ser Integral.

E se você acha que este conteúdo foi útil, curta e compartilhe com seus amigos e familiares. Estas informações podem ser muito importantes para eles também.

Ah, ia esquecendo: você sabia que dá para harmonizar sua casa e seus ambientes com Aromaterapia? Pois é preparamos um presente especial para você com dicas maravilhosas e simples para fazer isso. Basta clicar no link abaixo e baixar o seu e-book:

http://bit.ly/Seularemeequilibrio

Abraço carinhoso e toda luz para sua semana!!

Feliz Ano Novo!

ano-novo

Estamos finalizando o ano de 2016 – um ano de  grandes mudanças e muito aprendizado. Aqui no Ser Integral foi um tempo maravilhoso, temos muito a comemorar porque o nosso projeto de troca de saberes decolou. A sementinha plantada no primeiro texto em 1 de abril de 2015, completou seu primeiro ano e nós saímos dos quase 1 600 visitantes para quase 30 mil visitantes em quase 20 países ao redor do mundo. Encontramos as pessoas que estavam interessadas nos temas que queríamos desenvolver e compartilhar e fomos encontradas por elas. Não sei se para você estes números são pequenos ou grandes, mas para nós é simplesmente maravilhoso. Tem gente que vai achar muito, outros acharão muito pouco… não importa! É mais uma corrente do bem se construindo. São mais de 10 mil fãs nos prestigiando no Facebook, curtindo e compartilhando as nossas dicas. Percebendo e se alinhando com a expansão da consciência, o auto conhecimento e o auto amor, nossas bandeiras, aqui no Ser Integral Saúde. Nossa gratidão a cada um de vocês que fez e faz parte desta caminhada.

Quando começamos, tinhamos o propósito de falar da maior quantidade de temas possível para auxiliar os que estivessem interessados numa vida mais equilibrada com saúde Integral.

Em 2016, nossa gratidão a cada um de vocês que contribuiu para tornar o nosso propósito cada vez mais claro, porque através de suas contribuições foi possível focar mais nos temas de interesse do público feminino. Claro que continuamos a compartilhar temas de interesse coletivo, afinal acreditamos na importância de temas, como Alimentação saudável e equilibrada. E isto é para todos, especialmente pela nossa capacidade feminina de levar o que achamos útil tanto para nós como para nossos familiares e amigos.

No tema alimentação saudável publicamos diversos posts sobre alimentos que curam, nutracêuticos como o Hibiscus, a Yacon, Plantas Alimentícias não Convencionais (PANCs) e ensinamos diversas receitas de Suco Verde, poderosos desintoxicantes. Afinal não dá para falar em saúde sem ter o corpo limpo de toxinas.

No quesito emoções dedicamos vários posts à sua intrínseca relação com a saúde do corpo físico, em especial a importância de ativar e preservar nossas forças internas para manter a saúde do sistema imunológico. Dedicamos especial atenção a emoções básicas como a Alegria  e a Gratidão, a Culpa e a Raiva e seus efeitos danosos e devastadores para o Fígado. Você viu? Se não viu, vale pena voltar no site e buscá-los.

Eu sou Especialista em Plantas Medicinais e não por acaso sou apaixonada pelo tema e por utiliza-las de forma curativa, por isso dediquei alguns posts muito especiais às esta dádivas da Natureza e à própria Natureza, como elemento decisivo para o nosso equilíbrio Todos deixados por Deus para curar e manter a nossa saúde de forma integral.

Dedicamos carinho especial aos posts com informações sobre os Florais de Bach, remédios com poder de cura e equilíbrio, bem como diversos posts com informações sobre a importância dos Chakras. Cada post tem preciosas informações sobre como estes centro energéticos funcionam e como mante-los equilibrados e saudáveis.

Para o público feminino publicamos uma série de posts sobre os Ciclos Femininos, textos esclarecedores sobre a a dor e a beleza do Climatério e Menopausa; resgatamos temas lindos como o Poder e O Sagrado Feminino e de novo voltamos nossas atenção aos Ritos de Passagem Feminino, porque entendemos ser uma fase da mulher em ela se sente abandonada, sendo inclusive negligenciada pelo próprio sistema de Saúde institucional que deveria cuidá-la. Falamos da dor do Gaslighting, num texto primoroso da minha amiga e terapeuta Ana Valério, que vale a pena ver de novo… Sem falar nos posts dedicados às Deusas e a Mulher que ainda estamos escrevendo e que tem sido sucesso absoluto junto ao público feminino. Afinal a hora é agora, de resgatar nossa auto estima, reafirmando o poder da deusa em cada uma de nós.

E claro, fomos poderosamente abençoados com o tema Saúde e Proteção dos nossos ambientes, ao qual dedicamos alguns posts com dicas de como cuidar da nossa casa, nosso lar e nossos ambientes de trabalho, através de dicas, considerações e oferecendo nosso trabalho de Geobiologia Espiritual Pessoal, Ambiental, de Processos, da Vida Financeira e Profissional, dos Animais de estimação e Automóveis. Um trabalho de limpeza e harmonização feito com auxílio dos Devas da Natureza e tecnologias específicas de Som e Luz.

E você que  nos acompanhou até aqui, há de se lembrar quanto falamos em cada um destes posts e em alguns em particular sobre a importância do Propósito de Vida, do auto conhecimento e do auto amor e cuidado conosco. Esse tema é vital para a vida do Ser Integral.

Finalmente, lembramos que o propósito do nosso site/blog é compartilhar informações úteis para que o Ser Integral floresça e cresça no caminho que escolher manifestar na vida, mas é também um espaço em que oferecemos os nossos serviços a todos os que querem aprofundar e fortalecer as mudanças. Visite nossa página de Atendimentos no https://serintegralsaude.wordpress.com/atendimentos/ conheça os auxílios terapêuticos que disponibilizamos ali. A EMF Balancing Technique por exemplo é uma técnica de reequilíbrio energético para aqueles momentos em que a vida parece estagnada e não sabemos qual o caminho a seguir. A Geobiologia Espiritual, limpa, harmoniza e remove obstáculos ao fluxo natural da prosperidade e do viver em liberdade. O Reiki, harmoniza, equilibra, pacifica o coração e a mente. E tem mais… a Fitoenergética e os Florais de Bach que promovem equilíbrio e cura do corpo físico, mental e emocional através das plantas e das flores, de forma suave e segura. E o que eu particularmente acho muito bom, você não precisa se deslocar da sua casa, do seu ambiente para receber os benefícios de todas estas técnicas. Tudo é feito à distância, em dia e hora previamente combinados. Milhares de pessoas já se beneficiaram do meu trabalho com as Terapias Energéticas à distância. Experimente você também e  no próximo ano…

Faça com o Tempo o que ele faz com você.

Aproveite-se dele!

Curta cada dia como se fosse o primeiro.

Feliz Ano Novo!

Ritos de Passagem Femininos II

02-climatereo

Semana passada iniciamos uma série de artigos sobre o Climatério e Menopausa, onde prometemos continuar trazendo informações, mas sobretudo abrindo um espaço de encontro e novos significados para este período considerado como de crise. Se você não viu o primeiro post, vale a pena dar uma ‘espiada’ lá.

A vida feminina é marcada por diferentes fases que produzem grandes mudanças, como a menarca (primeira menstruação), a iniciação sexual, a gravidez e a menopausa – última menstruação. São fatos concretos e objetivos que marcam definitivamente nosso corpo e nossa vida e que tem significação diversa, de acordo com a cultura onde estamos inseridas. Em nossa cultura ocidental por exemplo, estamos muito presas à tríade da perfeição física: juventude, beleza e saúde. A menopausa então pode ficar reduzida a estes conceitos, deixando escapar a oportunidade que esta passagem representa para reexaminar nossa vida, buscar novos significados para além da história que vivemos até aqui e dos papéis que interpretamos: mãe, esposa, profissional etc…

James Hollis, analista junguiano americano, prefere chamar a crise da meia idade de passagem do meio. Para ele a passagem do meio é a ocasião de redefinirmos e reorientarmos a personalidade, um rito de passagem entre a adolescência prolongada da primeira idade adulta e o nosso inevitável encontro com a velhice e a mortalidade. Quando conseguimos passar conscientemente por esta fase de transição, trazemos mais significado à própria vida. A passagem do meio pode, então, representar uma oportunidade maravilhosa, se bem que por vezes dolorosa, de uma revisão e um reencontro com nosso Eu verdadeiro.

Para Hollis muitos de nós encaramos a vida como a leitura de um romance: passamos passivamente de página em página, na certeza de que o autor nos contará tudo na última. Ernest Hemingway – famoso escritor também, americano – disse certa vez que se o herói não morrer é porque  o autor simplesmente não terminou a história. Ou seja, morremos na última página, tendo ou não atingido a iluminação.

A proposta de hoje então é que aceitemos o convite da passagem do meio para nos tornamos  mais conscientes e sobretudo que aceitemos a responsabilidade pelas demais páginas que ainda vamos escrever em nossas vidas. Ao faze-lo seremos mais capazes de enfrentar a grandeza da vida para a qual fomos criados.

A pergunta que não quer calar é como fazer isso? Mas a resposta é simples. Pode não ser fácil e exigirá atenção e cuidado de cada uma de nós, mas o resultado vai valer a pena. A resposta passa pelo caminho do auto conhecimento e auto cuidado que nos permitirá descobrir novos caminhos que nos levem a nossa interioridade. Aquele espaço sagrado onde a nossa Alma habita e que só pode ser gerado e nutrido pelo Amor. Isso mesmo, a resposta é aprendermos a nos amar como nós somos. Deste modo poderemos acolher nossos sofrimentos e dores, reconhecendo que eles nasceram de uma falta de amor e aproveitar a oportunidade para restaurar nossa unidade com o Tudo e todos.

O Evangelho de Tomé lança alguma luz sobre este assunto quando traz os ensinamentos secretos de Jesus: “Se trouxeres à tona o que está dentro de ti, o que é trazido à tona te salvará. Se não trouxeres à tona o que está dentro de ti, o que não trouxeres a tona te destruirá.”

O projeto deste artigo é que sejamos capazes de aproveitar a oportunidade que o Climatério nos proporciona de rever a nossa vida, com compreensão, amor e provavelmente com perdão. A principio, pode parecer assustador contemplar a grandiosidade desta tarefa, mas também é profundamente libertador, saber que os recursos necessários estão dentro de nós. Podemos viver a nossa vida de forma mais independente. Nossas relações com as outras pessoas também podem ser vividas com mais leveza, exigindo menos delas e mais de nós mesmas.

O Rito de Passagem da Menopausa encerra o nosso período reprodutivo e inicia um período de grandes mudanças físicas, emocionais e espirituais. O metabolismo como um todo sofre algumas alterações especialmente relacionadas às funções do Sistema Endócrino,  diminuição da atividade ovariana e consequente desequilíbrio hormonal. É importante darmos atenção ao processo, buscando ajuda especializada e cobrando dos profissionais de saúde uma escuta atenta e individualizada. Cada mulher tem um tipo de experiência diferente e isso deve ser levado em conta na adoção do tratamento dos sintomas decorrentes destas alterações.

Uma vez reconhecida a Menopausa como um Rito de Passagem importante para a evolução feminina como Ser, é importante ressaltar a importância de também assumirmos responsabilidade por nós mesmas, no cuidado com a alimentação, exercícios físicos diários e equilíbrio das nossas emoções.

Aqui mesmo no Ser Integral publicamos diversos artigos com dicas sobre alimentação, a importância da atividade física e florais. Dedique um tempinho a estes artigos e descobrirá coisas maravilhosas que um Suco Verde pode proporcionar, por exemplo, ou um floral como o Rescue Remedy pode trazer de alívio em momentos de desequilíbrio emocional.

Antes de encerrar, para manter o hábito de sempre compartilhar uma dica prática que pode acrescentar à sua vida diária e iniciar um movimento de transformação na direção da auto responsabilidade: são os alimentos/vegetais que contem fitoestrógenos. Os fitoestrógenos são um grupo de substâncias vegetais, que apesar de terem estruturas químicas diferentes do estrógeno, tem atuação muito semelhante. Ou seja, podem fazer uma reposição suave do estrogênio, um dos hormônios que declinam durante o Climatério. Anote algumas delas e comece a incluí-las em sua alimentação: erva doce ou funcho, linhaça, derivados da soja fermentada como o missô e o shoyu e inhame. Na alimentação diária eles poderão ser muito úteis para aliviar sintomas como ondas de calor (fogachos), secura vaginal, sudorese noturna entre outros desconfortos. Ah, e a dica mais importante, reduza o consumo de acúcar (qualquer açúcar – não de iluda com o açúcar mascavo) e se puder retire-o de sua alimentação. Esta atitude trará um ganho espetacular para sua saúde. É você no comando de sua vida.

Eu desejo a você uma semana iluminada e plena de amor e significado. Se gostou deste artigo, curta e Compartilhe nossa fanpage Ser Integral:  https://www.facebook.com/paginaserintegral/ . Seus amigos também poderão gostar e se beneficiar das informações que disponibilizamos aqui. Também pode cadastrar-se no nosso site e ganhar um lindo e-book com dicas para harmonizar seus ambientes através da Aromaterapia. Clique no link e confira: http://bit.ly/Seularemeequilibrio

Se você quiser saber Como encontrar o caminho de volta ao Centro do seu Ser, não hesite em agendar seu atendimento diretamente no meu email: rmarrie@gmail.com. Podemos oferecer-lhe suporte e ajuda através das terapias que disponibilizamos em nossa página de Atendimentos. Confira no link: https://serintegralsaude.wordpress.com/atendimentos/

Um grande abraço e até o próximo post.

Para saber mais:

Hollis, James – A passagem do Meio – Ed Paullus

Saindo do quadrado na alimentação II

00-pancs

Olá pessoal, esta semana quero compartilhar com vocês um notícia linda que recebi através da Juliana Brancaglioni, minha amiga e parceira aqui no Ser Integral. Trata-se do episódio 22 da Terceira Temporada do MasterChef Brasil. Ao final do post eu vou deixar o link para que possam conferir.

Uau, mas o que é o MasterChef Brasil tem a ver com o Ser Integral e seus conteúdos?! Calma… rsrsr… Já vou explicar!! É que o programa desafiou os tres participantes da prova naquele momento para usar como ingredientes do prato a ser apresentado, as Plantas Alimentícias Não Convencionais – PANC’s. Isso mesmo! Para quem me acompanha aqui no blog Ser Integral já leu meu post “Saindo do quadrado na alimentação”. Para os que ainda não leram, corre lá e acessa. Vale a pena! É só clicar AQUI 

Quem me acompanha aqui no blog ou na fanpage Ser Integral também sabe que eu sou uma Naturóloga, Especialista em Plantas Medicinais apaixonada pelo seu uso – sempre que possível – também na alimentação. Acredito que Ser Integral traz o desafio de abranger todos os aspectos dos nossos corpos físico, mental, emocional e espiritual. Ser Integral é reconhecer-se parte da Natureza e buscar a maior proximidade possível com ela.

Conhecer e utilizar as PANC’s é uma forma linda de resgatar saberes e sobretudo benefícios fantásticos no tocante às suas qualidades nutricionais. É uma forma de incluir novos sabores na nossa alimentação e assim fugir um pouco da “ditadura” da cenoura, beterraba, alface, abobrinha e batata inglesa. Nada contra estes maravilhosos legumes. Pelo contrário. A proposta aqui é incluir, alimentos de alto valor nutritivo, fáceis de encontrar por aí, por isso muito baratos, que podemos cultivar, no quintal, em vasos numa janela ou na sacada do seu apartamento.

A esta altura se você ainda não viu o programa MasterChef Brasil, pode estar se perguntando quais os ingredientes que os Chefs sugeriram aos participantes. A oferta dos ingredientes foi generosa e os Chefs (especialmente a Chef Paola), bem como a direção do programa pela inovação, estão de parabéns. Mas, apesar de eu reverenciar todas PANC’s apresentadas, eu vou destacar aqui apenas tres delas: a Caapeba ou Pariparoba, o Hibisco e Ora-pro-Nóbis. Respectivamente a Piper Umbelata, Hibiscus Sabdariffa e Pereskia aculeata.

A razão da minha escolha é porque eu amo estas plantas. Dediquei dois artigos especiais a Pariparoba e ao Hibisco e incluí a Ora-pro-nobis no “Saindo do Quadrado na Alimentação”.

Para não ficar repetindo informações, se você tiver interesse em saber mais sobre elas,  ou rever o tema, busque aqui mesmo no blog. Se tiver dificuldade mande um email para rmarrie@gmail.com, enviamos o link para você.

A dica de hoje então vai para este tema que  eu adoro e que gostaria muitíssimo de saber se você também gosta e principalmente se está com disposição para explorar o assunto.

O programa na TV pode nos inspirar a buscar incluir estas dádivas da natureza em nossa alimentação para que o “nosso alimento seja o nosso remédio”. Porque todas estas plantas tem um valor curativo agregado que por si só justificaria seu uso. A Pariparoba por exemplo pode substituir a couve com muito sucesso em deliciosos refogados e entregar de bônus um tratamento para seu fígado, baço e pâncreas. O Ora-pro-nóbis velho conhecido da cozinha mineira tem alto teor de proteína, sendo considerado “carne de pobre”. E o Hibisco, além de fornecer um chá muito saboroso é ótimo para acelerar o metabolismo,  reduzir o excesso de colesterol, auxiliar na prevenção do diabetes tipo 2, diminuindo lipídios e glicose na corrente sanguínea. Diurético, laxante, rico em flavonóides, supera os benefícios do chá verde e do vinho porque tem baixo teor de cafeína e não tem álcool. Um antioxidante poderoso.

Enfim, eu desejo de todo meu coração que você aceite o desafio, assista os vídeos do programa. Leia ou releia aqui no blog os artigos que escrevi. Pesquise receitas das PANC’s. Aprenda como cultivá-las. Elas estão por aí nos quintais, terrenos baldios esperando que as colhamos. Claro que as que estão disponíveis nestes locais ainda não são apropriadas para consumo imediato, por conta da poluição e dos animais que estão soltos nas ruas. Mas podemos colhe-las e plantá-las em casa. A planta seguinte será orgânica e própria para enriquecer sua dieta alimentar.

Um grande abraço e se você gostou desta matéria, curta e compartilhe nosso post na fanpage Ser Integral. Se tiver dúvidas, pergunte aqui mesmo no blog ou na fanpage, se preferir. O ideal é que mande um email para rmarrie@gmail.com. Às vezes a resposta demanda mais espaço.

Ah, e se você deseja um trabalho completo de transformação para Ser Integral, faça contato. Na minha página de Atendimentos (https://serintegralsaude.wordpress.com/atendimentos/) tem tudo explicadinho, mas você sempre pode perguntar. Faça como as centenas de pessoas que eu atendi e transformaram suas vidas.

 

 

 

Links para o programa MasterChef Brasil:

 

https://www.youtube.com/watch?v=_mDuwA3_c14&feature=youtu.be&list=PL7HLCnqzgei8jzfxtXzGpanLmggReyDAg

 

https://www.youtube.com/watch?v=X9rm4DErgV4&list=PL7HLCnqzgei8jzfxtXzGpanLmggReyDAg&index=4

 

Cuidando da sua casa

00-casa

Olá pessoal, estive ausente na semana passada, mas confesso a vocês que foi por uma boa causa. Fui a praia com a família e dediquei aqueles dias a muitas brincadeiras, com minha netinha de 9 anos, nas águas límpidas do mar de Seaside na Flórida. Um passeio interessante, porque além das lindas praias Seaside é uma pequena cidade, tranquila, segura, onde se pode andar a pé ou de bicicleta. É considerada uma das 10 melhores cidades de praia na Flórida e foi palco das filmagens do Show de Truman com o famoso ator canadense Jim Carrey.

Viajar é de fato uma das coisa que mais gosto de fazer pelas muitas razões que não vou comentar agora (quem sabe ainda escrevo sobre como pode ser muito saudável viajar…) mas que tem uma razão especial que escolhi para nosso tema de hoje que é: voltar para casa! Isso mesmo. Talvez a melhor coisa de viajar seja voltar para o aconchego da nossa casa, sentir de novo (e curtir) o cheirinho do nosso travesseiro.

   

E claro a dica de hoje então não poderia deixar de ser sobre a nossa casa. Ou seja como  fazer (ou manter) da sua casa um lar. Porque casa é a edificação, feita de paredes e telhado, já um lar é muito mais que isso porque carrega a nossa identidade, uma espécie de DNA que a torna única e que podemos levar conosco sempre que mudarmos de casa.

Claro que são muitas as coisas que darão identidade a uma casa, fazendo dela nosso lar. Uma delas, a que consideramos talvez a mais importante são os relacionamentos que vamos cultivar dentro dela. Os relacionamentos com as pessoas que formam um lar podem fazer dela um paraíso ou inferno. Cuide para que sua casa seja um lar de amor, palavras doces, bênçãos e paz. Cultive a gentileza, a generosidade, a alegria, a paciência e o afeto no trato com a sua família. Desta forma sua casa será sempre um lar acolhedor, abrigando seus moradores num espaço iluminado, onde a felicidade é uma conquista diária e muito merecida.

Depois desse primeiro cuidado com a energia dos relacionamentos da sua casa, use a energia protetora das plantas para deixa-la mais harmoniosa e equilibrada. Pode ser um jardim ou um vasinho de planta, mas não deixe faltar a energia amorosa de uma planta. Existem milhares delas. Procure uma ou algumas que você goste seja pela sua beleza, seu perfume (flores) ou pela sua utilidade na cozinha como as ervas aromáticas: manjericão, alecrim, hortelã, sálvia, pimentas etc… Atualmente é muito fácil adquiri-las até em supermercado onde vamos todas as semanas. Cuidar delas também exige poucos tempo, mas o retorno é maravilhoso. Experimente!

Outra dica muito legal é usar a aromaterapia no cuidado com seu lar.

Aromaterapia – de maneira muito simplificada – é a ciência e também a arte de utilizar a essência das plantas para tratar o que é essencial no Ser Humano, compreendendo-o como um todo constituído por seu corpo, mente e espírito. Utiliza-se dos Óleos Essenciais extraídos de várias partes das plantas, tais como: folhas, flores, cascas, sementes e raízes.

Utiliza-se dos Óleos Essenciais extraídos de várias partes das plantas, tais como: folhas, flores, cascas, sementes e raízes.

Os Óleos Essenciais atuam de forma gentil restaurando as energias naturais de cura e promovendo equilíbrio.

Existem relatos do uso das Plantas Medicinais e seus Óleos Essenciais desde os tempos mais remotos da Antiguidade e estão presentes em toda história da Humanidade.

A maioria das pesquisas e trabalhos publicados sobre os Óleos Essenciais e suas propriedades, concentram-se em suas qualidades e benefícios medicinais. Aqui entretanto, nosso objetivo é dar dicas de como utilizar os Óleos Essenciais no cuidado com a sua casa.

E eu explico porquê: a indicação dos Óleos Essenciais para tratamentos de saúde, exige uma consulta com um profissional Aromaterapeuta com formação especifica, para fazer a orientação correta e adequada. Evite a auto medicação.

Mãos à obra então para deixar o ambiente de sua casa agradável, equilibrado e especialmente perfumado!

Para começar adquira um aromatizador de ambiente. No mercado existem muitas boas opções, para todos os bolsos e gostos: elétricos, com velas etc… Pingue 5 gotas gotas dos seguintes Óleos Essenciais com os seguintes objetivos:

  • Laranja Doce – um cítrico maravilhoso para promover leveza e alegria;
  • Lavanda – poderoso relaxante, excelente para meditações e controle da ansiedade;
  • Junípero – para proteger o ambiente de sua casa promovendo limpeza em todos os níveis.

Observação Importante: use um óleo de cada vez, de acordo com seus objetivos!

Se você gostou destas dicas, curta e compartilhe nossa fanpage Ser Integral, com seus amigos e familiares. Assim mais pessoas podem se beneficiar destas dicas simples, mas muito valiosas para o seu propósito para viver de forma saudável e integral.

Se tiver dúvidas ou quiser saber mais sobre algum assunto tratado aqui, mande um email para rmarrie@gmail.com ou comente aqui mesmo no blog.

Grande abraço e toda Luz!

Três Plantas Medicinais para Amar

01-plantas

Para os que já acompanham minhas postagens aqui no Ser Integral não é novidade a minha paixão pela Natureza e o estudo de sua influência no nosso equilíbrio. Dentro desta paixão está meu amor pelas plantas de modo geral e especialmente pelas plantas reconhecidas como Medicinais. Dediquei inclusive parte da minha vida acadêmica numa Pós Graduação em Plantas Medicinais para conhece-las melhor e sobretudo poder indicá-las corretamente. Sim, porque seu uso requer conhecimento adequado e vale repetir o fato de ser natural não as isenta de perigos e contra indicações.

A dica de hoje é a indicação de Três Plantas Medicinais que você deve conhecer, aprender a usar e quem sabe amá-las como eu.

A primeira delas é conhecida popularmente como Capim Limão, Erva Cidreira, Capim Santo entre outras denominações, mas seu nome científico é Cymbopogon citratus (DC) Stapf. Nativa das regiões tropicais da Ásia, especialmente do sul da Índia e do Sri Lanka, naturalizada em quase todo Brasil.

  Com o Cymbopogon citratus, você pode preparar um chá – quente ou gelado – de aroma e sabor extremamente agradáveis e ainda se beneficiar de sua ação calmante e espasmolítica suaves. Essa atividade ocorre principalmente por conter os óleos essenciais de citral e mirceno. Outra dica legal e muito saborosa é prepará-lo como refresco. Para isso basta bater algumas folhas no liquidificador, com água e gelo, coar em peneira ou tecido fino e adicionar suco de limão espremido na hora de tomar. O ideal é tomar sem açúcar, mas se não conseguir evite o excesso ou use mel ou melado para adoçar. Finalmente você também pode usar esta maravilhosa planta na culinária, a exemplo dos asiáticos, especialmente os tailandeses. Lá eles usam principalmente as bases, cujos bulbos se parecem com as bases das cebolinhas, embora sejam mais duras. As partes basais das folhas (miolo tenro, mas interno) são picados fininhas e usadas como aromatizante de peixes, sopas, molhos e curries. A parte mais tenra pode ser consumida como verdura. Pesquise receitas tailandesas e achará várias possibilidades de usar como tempero/condimento de pratos diversos doces ou salgados.

A segunda planta objeto de nossa atenção é a Curcuma longa L, conhecida popularmente como açafrão da terra, cúrcuma, açafrão da índia etc… Também nativa da Índia é amplamente cultivada em quase todo território brasileiro em quintais domésticos para uso alimentar, condimentar e medicinal. Se você quiser cultivá-la, de quebra ainda vai ornamentar o seu jardim, porque ela é linda e nos presenteia com lindas flores brancas. A parte utilizada são os rizomas, que devem ser bem lavados e então fatiados e secos em estufas para serem moídos. Felizmente, para os que não tem condições de cultivá-la, hoje a Curcuma é facilmente encontrada já sob a forma de pó nos supermercados e lojas de produtos naturais. Mas afinal, o quê tem a Curcuma de tão especial? Ela é excelente no tratamento das disfunções hepáticas, porque tem como principal constituinte ativo a curcumina. Esta substância tem ação colerética, isto é estimulante da secreção da bilis, justificando seu uso no tratamento da constipação, como auxiliar da digestão, no tratamento de cálculo biliar e da icterícia. Pode parecer pouco, mas não é se considerarmos a importância do fígado na nossa saúde. Mas a Curcuma, virou celebridade quando se descobriu que a curcumina inibe um número muito grande cânceres: cólon, fígado, estômago, mama, ovário e leucemia, por exemplo. Os indianos consomem em média 1,5 g a 2 g por dia de cúrcuma (um quarto a meia colher de café), o principal condimento do curry, ao qual ele dá sua cor alaranjada. Não é, à toa, que em idade idêntica os indianos tenham oito vezes menos cânceres de pulmão do que os ocidentais,nove vezes menos cânceres de cólon, cinco vezes menos cânceres de mama ou dez vezes menos cânceres de rim. Milenarmente usado na medicina ayurvédica, é considerado um poderoso anti inflamatório. O pulo do gato entretanto para você possa aproveitar todos os benefícios da cúrcuma é usá-la misturado à pimenta, como no curry. A pimenta multiplica por 2.000 a absorção da cúrcuma pelo organismo, porque ajuda seu transporte na barreira intestinal. Portanto inclua a cúrcuma em sua alimentação: no arroz, em sopas e até na preparação de uma deliciosa pipoca. Mas não se esqueça de misturar a pimenta!

A nossa terceira planta é a Bidens pilosa L. conhecida como picão preto, carrapicho de agulha e picão amarelo, entre outros nomes populares. Nativa na América tropical, cresce espontaneamente em lavouras agrícolas de todo o Brasil, sendo considerada uma planta daninha. O que aliás é uma grande injustiça com a Bidens, porque ela possui uma longa história de uso na medicina tradicional entre os povos indígenas da Amazônia. Está relacionada na lista RENISUS ( Relação das Plantas Medicinais de Interesse do SUS) e na Resolução RDC  Nr 10 da ANVISA, que preconiza a seguinte Posologia no tratamento de hepatite (icterícia): a infusão de 2g de folhas em 150 ml de água, administrada em uma xícara (150 ml) 4 vezes ao dia. Ou seja temos aí mais uma plantinha com indicação de uso nas disfunções hepáticas.  Mas nem só de proteção e tratamento ao fígado vive a Bidens, ela é considerada uma poderosa bactericida, com excelente ação no tratamento de infecções urinárias por exemplo e também contra infecção de bactérias do trato gastrointestinal. E como se não bastasse é considerada uma PANC (Planta Alimentícia Não Convencional), rica em proteína, fibra, magnésio e com alto teor de cobre. Isso quer dizer que você pode consumi-la por exemplo em risotos, refrescos gelados e também em saborosos e nutritivos refogados. Basta selecionar folhas jovens desta generosa plantinha e no caso do refresco, ferva cerca de 100g para 1 litro de água. Coe, deixe esfriar acrescente gelo e limão a gosto. Adoce a gosto, mas se puder consuma sem açúcar. Para as demais receitas basta adicionar as folhas jovens à sua receita de risoto costumeira ou do mesmo jeito que refoga couves por exemplo: com alho, sal e outros temperos no azeite.

Espero ter despertado em você o desejo de conhecer mais as maravilhas que as Plantas podem nos proporcionar em termos de saúde e conexão com a Natureza.

Se gostou, compartilhe com seus amigos. Dúvidas, mande um email para rmarrie@gmail.com e lembre-se de curtir a nossa página do Facebook: Ser Integral. Nós estamos aqui para compartilhar com você o nosso melhor.

Abençoada semana e toda luz!

Para saber mais:

Plantas Medicinais do Brasil – Lorenzi e Matos

Plantas Alimentícias Não Convencionais (PANC) no Brasil – Kinupp e Lorenzi

Anticâncer – David Servan-Schreiber