Resgatando seu Poder II

30-poder.png

Olá pessoal, ao longo das últimas semanas estamos dedicando uma atenção especial ao Feminino e seus aspectos sagrados. Nossa intenção é trazer reflexão para promover transformação.  Na verdade, reconexão com nossa natureza feminina que ficou meio perdida na luta para nos libertamos da submissão e do preconceito de uma sociedade patriarcal.  Se você não leu os textos anteriores, dá uma  espiadinha  neste link: http://bit.ly/2cYCsXm

Nesta direção hoje vamos compartilhar algumas informações para auxiliar no processo de auto conhecimento, reconexão com nossa natureza feminina e transformação. Vamos falar das funções e importância do Segundo Chakra, Chakra Sacral em sânscito Sahashara. Localizado no baixo abdômen, tem como órgãos associados, o útero, intestino grosso, próstata, ovários e testículos. Assim como cada  Chakras tem uma relação direta com uma glândula endócrina, o Segundo Chakra está relacionado às glândulas endócrinas: ovários e testículos. No aspecto espiritual é responsável pelo auto respeito. No aspecto emocional nos ensina a lidar com os aspectos da comunhão e da possessividade. Além de tudo isso, este centro de energia é responsável pela nossa criatividade de um modo geral e especialmente a criatividade nas relações afetivas. Sua cor associada é o laranja.

Falando em relação afetiva, lembramos que enquanto o Primeiro Chakra diz “Eu sou”, o nosso segundo chakra diz, “Eu sou numa relação afetiva com… meu cônjuge, meu trabalho, minha família, minha religião, meus amigos, a natureza, o dinheiro”. Ou seja , é o centro de todas as relações.

Kalil Gibran em seu livro ‘O Profeta’, presenteou -nos com uma forma especial de compreensão de como lidar com nossos relacionamentos afetivos:

“Entreguem o coração, mas não para o outro guardar,

Pois somente a mão da Vida pode conter seus corações,

E fiquem juntos, mas não juntos demais,

Pois os pilares do templo erguem-se em separado,

E o carvalho e o cipreste não crescem à sombra um do outro.”

Manter o equilíbrio do Segundo Chakra também permite lidar com nosso processo criativo que representa nossa relação com a Terra e com nosso Criador, simbolizando uma grande parte do sentido de nossa vida, missão nesta existência. Traz-nos a consciência de que somos co-criadores de todas as nossas experiências. Algo que sempre falamos aqui no Ser Integral: assumir a responsabilidade por nós mesmas e nossas escolhas. Este equilíbrio nos possibilita inspiração e capacidade para assumir riscos e buscar a realização dos sonhos da nossa Alma. Permite também trabalharmos as nossas relações, trocas e interações em todos os níveis, sejam elas com Deus, nossos Mestres e guias, nossos entes queridos. E finalmente nos ajuda a trabalhar o estágio final do ciclo criativo que é a morte, tão natural na vida. Afinal tudo tem um fim, a morte é inevitável: é apenas uma questão de tempo. O corpo feminino é extremamente sintonizado com a compreensão da natureza cíclica e rítmica da existência humana, vendo que, como as fases da lua, a vida cresce e mingua. Faz parte da natureza feminina aceitar a morte todos os meses – com a menstruação – vendo esse período com um momento de liberar o velho e se preparar para o novo.

Importante lembrar que o estágio final do ciclo criativo pode e deve ser, também, um momento fantástico de celebração, pois é a consumação de um ciclo e muita coisa se realizou. Muito aprendizado, ganho de experiência. É a época da colheita, quando podemos apanhar e saborear os frutos de nosso trabalho. E nós enquanto força criadora somos alimentados e nutridos por nossa própria criação. Aproveitar o exemplo de sabedoria das plantas que compartilham seus frutos e sementes mas também os aproveita para reabsorver parte de sua energia, aumentando sua capacidade de produzir uma vida nova na próxima estação.

Saborear os frutos de nossos esforços antes de plantar uma semente nova.

Depois de compartilharmos um pouco da importância e características deste importante centro energético e principalmente de sua importância em nossos relacionamentos, vamos manter a tradição e trazer algumas dicas práticas para equilibrar sua atividade:

– Comece fazendo todo dia um ato de carinho por você mesma: compre flores, tome um banho quente bem demorado, faça um escalda pés com argila verde para relaxar no final do dia, reserve um tempo só para si e invista na qualidade do tempo que passar com seu par amoroso (se tiver um);

– faça uma boa faxina, jogando fora todo amor não correspondido, fantasias românticas e tristeza reprimidas. Escreva cartas que não vai mandar e nelas libere os pensamentos e as pessoas para seguirem o caminho delas e não o seu. Agradeça pelo tempo que passaram com você por tudo que trocaram de experiência e aprendizado;

– tome mais consciência de sua relação com a Natureza. Pare um pouco e sinta o perfume das flores, sinta o prazer de pisar descalça na grama, na terra, na areia. Ouça e aprecie o canto dos pássaros e aproveite o prazer que tudo isso pode trazer;

– se estiver vivendo uma relação afetiva complicada, onde a comunicação ficou difícil, sente-se num lugar sossegado e feche os olhos. Imagine que está se encontrando  com essa pessoa no topo de uma montanha (ou no topo de outra montanha, se achar difícil a convivência… rsrsr) e peça para conversar com seu Eu superior. Diga-lhe tudo que gostaria que ela ouvisse, lembrando-se de faze-lo de modo amoroso e gentil buscando seu bem maior. Ouça sua resposta. Se achar necessário peça ajuda ao mundo espiritual (bastante recomendado). E o mais importante, sempre termine oferecendo amor e gratidão. Se você leu ou assistiu o filme “Comer, Rezar e Amar”  vai lembrar-se de uma cena semelhante onde a atriz principal (Julia Roberts) faz um exercício de liberação no topo do mosteiro.

– use a cor laranja, nos alimentos, na sua roupa ou mesmo na decoração da sua casa. É um jeito bem fácil e legal de equilibrar o seu Sahashara.

– Finalmente também pode utilizar uma fórmula floral especialmente preparada para equilibrar o chakra Sacral. Procure no site www.gotasdoinfinictho.com.br.

Se você gostou deste nosso tema, curta e compartilhe a nossa fanpage Ser Integral. Este artigo pode ser muito útil a outras pessoas.

Se tiver dúvidas mande um email para rmarrie@gmail.com ou comente aqui mesmo no blog ou na fanpage Ser Integral.

Gratidão por sua atenção. Eu desejo a você uma semana iluminada e plena de criatividade e boas escolhas.

Grande abraço e até o próximo post.

Para saber mais:

Anatomia da Cura – Christine R. Page – Ed Ground.

Anúncios

2 comentários em “Resgatando seu Poder II

Adicione o seu

    1. Olá Romulo, gratidão por seu contato.
      No meu blog falo sempre sobre os chakras e a sua importância para o nosso equilíbrio físico, mental e emocional. Você pode conferir dando uma olhadinha lá.
      Os chakras estão diretamente ligados ao nosso Sistema Endócrino e portanto cada um deles está ligado a um ou mais glândulas endócrinas e a um grupo de orgãos físicos.
      A concentração está relacionada com o sexto e sétimo chakras, respectivamente a hipófise e à pineal.
      Para conseguir estudar melhor não existe uma única resposta, porque cada Ser é único com necessidades únicas. Ou seja precisaríamos fazer uma consulta para identificar as causas e as possibilidades de tratamento.
      De qualquer modo vou publicar alguma coisa sobre este chakras. Poderá ser útil para sua dúvida.
      Abraços

      Curtido por 1 pessoa

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: