O Sagrado Feminino

35-sagrado-feminino

Nas última semanas dedicamos uma atenção especial às mulheres na meia idade. Falamos de Climatério, Menopausa, suas perdas e ganhos, dores e delícias, como tudo na vida. Hoje vamos compartilhar um pouco da nossa visão do que é Ser Integral, honrando o Sagrado Feminino.

Apesar das conquistas femininas até aqui, ainda vivemos numa sociedade patriarcal e machista. Esta situação de dominação masculina acontece há tanto tempo que parece que sempre foi assim. Mas não é verdade. Descobertas arqueológicas dão conta de que houve um tempo em que homens e mulheres veneravam a Grande Deusa, a MãeTerra, e em que imagens de mulheres criativas e fecundas eram esculpidas em pedra e guardadas em relicários.  Entretanto,  tudo isso começou a mudar, há cerca de 5000 anos, quando grupos militaristas do Oriente Médio invadiram as sociedades pacíficas e agrárias que veneravam a Deusa, dando início a um movimento que viria modificar profundamente a história humana. À medida que este movimento de deslocamento da Deusa para os valores orientados para o masculino, foram acontecendo, a posição das mulheres na sociedade foi piorando progressivamente e os aspectos da vida relacionados ao feminino foram sendo denegridos.

Essa mudança de valores resultou na associação da vergonha ao corpo (sentimentos e sensações relacionados à mulher, à Deusa e à terra), deixando-nos dependentes da mente (o mundo das idéias associado ao homem, ao Deus e ao céu). Nos milhares de últimos anos, todas as principais religiões do mundo tornaram-se patriarcais, todas valorizando o intelecto e o espírito acima do corpo e dos instintos.

Para que possamos recuperar o poder da Deusa é importante que tenhamos consciência desta história e das crenças que foram construídas através delas. Uma delas é uma crença tão subliminar que quase passa despercebida por nós: a versão mítica da história representada por Adão e Eva, na qual ela além de comer o fruto proibido ainda o oferece ao seu marido. Eva  com seu traiçoeiro poder de sedução, induziu o inocente Adão ao pecado. Por conta disso recebe a maldição divina: “Vou fazê-la sofrer muito em sua gravidez: entre dores, você dará à luz seus filhos; a paixão vai arrastar você para o marido e ele a dominará.”(Gên 3:16).

Reflita comigo o quanto de vergonha e culpa temos carregado ao longo do tempo por conta desta versão tenebrosa. Claro que isso não aconteceu da noite para o dia, ela foi se cristalizando através dos séculos, com a Inquisição que exterminou cerca de nove milhões de supostos bruxos. Cerca de 85% deles eram mulheres. Com eles morreram os remanescentes da religião da Deusa e grande parte do conhecimento da humanidade sobre a obstetrícia, o herbalismo (conhecimento sobre as plantas medicinais), a agricultura e a prática espiritual baseados nas leis naturais.

A proposta de hoje inclui alguns temas importantes, além da reflexão sobre a história de como começou a dominação feminina:

– aprender a se desvincular dos padrões  de beleza e comportamento, pré-estabelecidos por uma sociedade patriarcal e repressora:

– apostar firmemente no auto conhecimento. Saber quem somos, do que gostamos, para descobrir e buscar o que queremos para nossas vidas. As energias de atração da vida precisam saber exatamente o que você quer. É preciso ter CLAREZA.

– tornar-se PARCEIRA de si mesma, numa atitude repleta de auto amor e auto aceitação.

A dica prática de hoje para iniciar (ou fortalecer, depende de onde você se encontra) seu empoderamento, é um Ritual utilizando o recurso amoroso e curativo da Aromaterapia. O objetivo é vivificar a ligação do seu coração com seu ventre. Esta ligação entre o Chakra Cardíaco e o Chakra Umbilical é uma chave poderosa para trazer consciência do seu poder feminino, despertando/resgatando seu potencial criativo e curando as feridas da vergonha e culpa ancestrais. É simples, fácil de fazer e muito gratificante.

Reserve um tempo para você.

Prepare  o óleo terapêutico que vai precisar da seguinte forma:  1 gota de Óleo Essencial de Gerânio, numa colherzinha de café de óleo vegetal que pode ser Prímula, Semente de Uva, Jojoba, Amêndoas Doces ou até o óleo de Oliva que já tem em casa. Misture os dois e reserve.

Sente-se ou deite-se numa posição confortável, respire profundamente por tres vezes, e esfregue na palma de suas mãos o óleo essencial já preparado. Em seguida coloque sua mão direita em seu coração e a esquerda em seu ventre (entre o umbigo e o púbis). Continue respirando profundamente e sinta a energia fluir do seu coração para o seu ventre e vice versa. Pratique este ritual por 21 dias seguidos. É o tempo que o nosso cérebro precisa para alterar um padrão de comportamento efetivo e realmente transformador.

Experimente e depois me conte como foi para você. Importante comprar um óleo essencial de qualidade, assegurando-se de que está adquirindo Óleo Essencial e não essência (há uma diferença!),  misturar ao carreador antes de colocar em contato com a pele. Os únicos Oleos Essenciais que podem ser utilizados (em pequenas quantidades) diretamente na pele são o Tea Tree e a Lavanda.

Agora se você deseja CLAREZA para o seu processo de auto conhecimento e consequente empoderamento clique no link abaixo e conheça um pouco de uma das técnicas mais  revolucionárias e efetivas que conheço para alcançar este objetivo:

https://serintegralsaude.wordpress.com/emf-balancing-technique/

Se tiver dúvidas, mande um email ou comente aqui mesmo no blog. Terei o maior prazer em conversar com você.

Um grande abraço e até o próximo post.

Para saber mais:

Seu Sangue é Ouro – Resgatando o poder da Menstruação – Lara Owen – Ed Rosa dos Tempos – Rio de Janeiro-RJ

Anúncios

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: