Como se proteger dos vírus

forças

Estamos em meio a uma pandemia – uma epidemia que atinge grandes proporções, podendo se espalhar por várias continentes ou por todo mundo – de vírus como o Zika, Chikungunya, Dengue e H1N1. Pessoas assustadas buscam vacinas, cujo estoque tem se mostrado insuficiente para atender até mesmo os grupos de risco. Todos preocupados em se proteger dos vírus.

Não pretendo discutir aqui a validade da vacina, mas apresentar outras possibilidades de proteção que possam nos trazer serenidade para estes momentos.

Eu faço parte da corrente de pensamento dos que defendem a importância de fortalecer o nosso terreno biológico. Terreno aqui compreendido como o conjunto formado pelos nossos corpo físico, mental, emocional e espiritual. Afinal nós não somos formados apenas de matéria, mas também de energias sutis e campos de consciência que nos permitem tanto a imanência quanto a transcendência.

Até Pasteur, o célebre cientista francês descobridor do papel dos micróbios nas doenças,  ao final da sua vida admitiu que “o micróbio não é nada, o terreno é tudo”. Ao assumir a importância do terreno, ele confirmava o papel fundamental do estado de saúde do indivíduo na prevenção das doenças microbianas. Observe que Pasteur apenas confirmou o pensamento milenar de Hipócrates – considerado o pai da Medicina – que apontava a qualidade da água, do ar, da alimentação, o ambiente e os hábitos gerais de vida  como fatores importantes na prevenção e conservação da saúde. Ou seja pensava na saúde forma integral e não fragmentada como ficou a partir de Descartes e permanece até hoje.

Pensar na saúde de forma integral remete a cuidados centrais com o nosso Sistema Imunológico. Aliás este é um tema que sempre tenho buscado enfatizar aqui no nosso blog. Ao faze-lo fortalecemos nosso terreno biológico e podemos afastar o medo e a angústia de contrair doenças transmitidas pelos vírus, sejam eles quais forem. Claro que este cuidado também se estende ao ambiente. É imperioso cumprir as recomendações de limpeza e profilaxia da Vigilância Sanitária e dos órgãos públicos responsáveis pelo combate aos mosquitos transmissores de doenças como a Zika, Chikungunya e Dengue por exemplo.

Mas vamos às dicas práticas que todos podemos adotar para fortalecer nosso Sistema Imunológico e manter nosso terreno biológico alerta e pronto para se defender:

1 – Cuide do seu intestino. Lembre-se que ele é responsável por 80% do nosso potencial imune. Cuidar do intestino significa adotar uma alimentação saudável e equilibrada, priorizando a ingestão de verduras, frutas e legumes frescos e de preferência orgânicos. Beba água limpa, se possível tratada no filtro de cerâmica. Tome suco verde regularmente em jejum.

2 – Mexa-se! Faça exercícios físicos regulares. Escolha o que mais gosta e persevere na prática. Uma simples caminhada de 40 minutos pode fazer milagres. Comece já!

3 – Experimente a geléia real (substância gelatinosa produzida pelas abelhas jovens para alimentar a abelha Rainha da colmeia e suas larvas nos tres primeiros dias de vida). Considerada um excelente complemento alimentar que entre outros benefícios reforça o sistema Imunológico. Imagine que a abelha Rainha alimentada apenas com geléia real vivem em torno de 5 anos, enquanto as operárias vivem no máximo 45 dias. Apenas um grama sublingual é necessário, pela manhã, em jejeum. Entretanto ressaltamos que pessoas alérgicas a picadas de abelhas não podem utilizar a Geléia Real.

4 – Tome Kefir, um alimento probiótico, poderoso anti oxidante, auxiliar no fortalecimento do Sistema Imunológico porque entre outros benefícios restabelece e regula a flora intestinal. Interessante que você não encontrará Kefir para comprar, mas basta fazer uma busca rápida no Google e encontrará doadores dispostos a compartilhar com você esta maravilha criada ou surgida há mais de 4 mil anos nas montanhas da Caucásia.

5 – As dicas a seguir não dispensam a indicação de um médico  com conhecimento das ervas ou  de um fitoterapeuta preparado para indicar as dosagens e uso correto. A idéia é compartilhar as plantas que fortalecem e auxiliam nosso Sistema Imunológico a se manter atento e pronto para nos defender. Anote aí:

  a) Tropaleum majus, conhecida popularmente como Capuchinha, já foi objeto de um post aqui no blog, tanto que amo esta plantinha maravilhosa. Dá uma olhada lá. Vale muito a pena conhecer, até porque esta você pode incluir na sua alimentação em saladas e sopas. É da família do agrião, muito saborosa e podemos consumir inclusive as suas flores.

b) Echinacea purpurea, conhecida como Equinácea. Já foi considerada a “erva sensação” do momento pela indústria fitoterápica no Estados Unidos, onde pode ser encontrada nas farmácias e lojas de ervas sob várias formas farmacêuticas: cápsulas, extratos, tinturas etc… Entretanto, já na na década de 30 era usada extensivamente como remédio de rotina por sua ação antialérgica, antivirótica, antiinflamatória e estimulante do sistema linfático e sistema imunológico celular. O surgimento dos antibióticos fez com que seu uso caísse no esquecimento, ressurgindo com a onda naturalista na década de 70. A maior concentração dos seus princípios ativos encontra-se nos rizomas e raízes, embora também se use as folhas, hastes e flores. Lorenzi e Matos.

6 – Finalmente, a dica de ouro: AME e SORRIA! Amar e cultivar a alegria é profundamente benéfico para o seu Chakra Cardíaco. O Chakra Cardíaco é o responsável pelo bom funcionamento da glândula endócrina Timo que por sua vez é um dos grandes responsáveis pela regulação e funcionamento do Sistema Imunológico.

Se você gostou deste artigo, compartilhe com seus amigos e familiares. Ele pode ser muito útil para muitas pessoas.

Também pode tirar dúvidas aqui mesmo na nossa página Ser Integral aqui no Facebook, enviando-nos mensagem, pelo email rmarrie@gmail.com ou ainda comentando no nosso blog.

Para consultas e tratamentos acesse nosso site: https//serintegralsaude.wordpress.com/ Ali além dos artigos semanais que publico, explico as terapias que disponibilizo para vocês. Não importa onde você esteja: meus atendimentos são à distância. Atendo pessoas do mundo inteiro. Experimente você também!

Grande abraço e uma semana iluminada!

Para saber mais:

http://blogdamimis.com.br/2016/02/29/kefir-o-alimento-probiotico-que-emagrece/

https://serintegralsaude.wordpress.com/?s=capuchinha

Lorenzi e Matos – Plantas Medicinais no Brasil – Nativas e Exóticas – Instituto Plantarum – Nova Odessa SP, ed 2008.

Anúncios

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: